Kisafix
ACESSO

regulamento

1. objetivo

O ACESSO 4º Desafio Kisafix de Design Calçadista, promovido por Killing S.A. Tintas e Adesivos, tem como objetivo proporcionar ao setor calçadista acesso à novas tecnologias em sistemas de colagem, atrelando alto desempenho, inovação e sustentabilidade da linha Kisafix ao conhecimento e talento de profissionais criativos, além de impulsionar o desenvolvimento do mercado calçadista brasileiro.

2. o desafio

O desafio propõe a criação de um calçado de qualquer segmento (feminino, masculino, infantil, esportivo ou de segurança) contemplando aspectos de sustentabilidade, com a utilização de, no mínimo, uma das tecnologias Kisafix apresentadas neste regulamento.

O desafio é composto por duas etapas. Na primeira etapa, cada participante inscreve seu projeto através do hotsite www.kisafix.com/acesso preenchendo formulário de inscrição, ficha técnica e upload do desenho do calçado em PDF. Na segunda etapa, os 10 (dez) projetos de maior pontuação na primeira etapa deverão construir e enviar ao endereço da Killing um pé ou um par de protótipo da sua criação para avaliação final. Os critérios de avaliação, cronograma e demais regras do concurso são detalhados nos itens a seguir.

O projeto deve ser inédito e de autoria do próprio participante, não tendo sido objeto de comercialização e/ou publicação antes ou durante o período de participação neste concurso.

Poderão participar somente pessoas físicas, maiores de 18 anos, residentes e domiciliadas na América Latina, portadores de número de identificação nacional (CPF para brasileiros), sendo estudante ou profissional atuante na área de moda, design ou correlata do mercado calçadista.

Poderá ser inscrito mais de um projeto por participante.

Não podem participar deste desafio colaboradores e diretores da Killing S.A., profissionais do Núcleo de Design da Assintecal, jurados, o vencedor do Desafio Acesso 2020, e colaboradores das demais entidades envolvidas diretamente no concurso.

3. avaliação

3.1 CRITÉRIOS
Os projetos e os protótipos dos calçados serão avaliados por comissão julgadora formada por equipe técnica da Killing e por profissionais da área de design e estilo de calçados, seguindo critérios e pontuações indicadas na tabela a seguir. Na primeira etapa, os projetos serão avaliados segundo os critérios 1 a 5, estabelecendo assim os 10 finalistas de maior pontuação. Na segunda etapa, os projetos e os protótipos serão avaliados segundo os critérios 1 a 7, estabelecendo assim o vencedor do concurso conforme maior pontuação.

A pontuação de cada projeto e/ou protótipo não será divulgada.

critério peso pontos
1. Aplicação de novas tecnologias de colagem 3 0 a 5
2. Sustentabilidade 2 0 a 5
3. Viabilidade de produção em larga escala 1 0 a 5
4. Ganhos e facilidades no processo produtivo 1 0 a 5
5. Erros de processo 1 -0,5/erro
6. Inovação em design 1 0 a 5
7. Conjunto do projeto 2 0 a 5


1. Aplicação de novas tecnologias de colagem: Será avaliada a indicação / aplicação das tecnologias Kisafix apresentadas neste regulamento. Cada tecnologia empregada agrega 1 ponto neste critério, compondo assim o máximo de 5 pontos. Não será pontuada a tecnologia indicada de forma errada - objetivo, substrato ou forma de aplicação.

2. Sustentabilidade: Será avaliado o caráter sustentável do projeto considerando sustentabilidade como todo o conjunto da criação, o que abrange conceito, seleção e aplicação de materiais e insumos, fatores do processo produtivo e reciclagem final, a fim de suprir as necessidades da geração atual sem comprometer as gerações futuras. A criação deve apresentar aspectos considerando os 4 pilares da sustentabilidade, através de aspectos relacionados ao meio-ambiente, ao bem-estar e desenvolvimento social, à valorização cultural e à constante busca por resultados econômicos satisfatórios.

3. Viabilidade de produção em larga escala: Será avaliado se o modelo proposto é viável para produção em escala industrial de diversos pares por dia, com componentes e processos que possam ser reproduzidos, independente de variáveis como operador, condições ambientais e equipamentos.

4. Ganhos e facilidades no processo produtivo: Será avaliado se o processo produtivo proposto permite ganhos como de tempo, espaço, recursos, custos e facilidade de execução em comparação com processo convencional. Os ganhos devem preferencialmente ser demonstrados através de comparações mensuráveis com o processo convencional de construção de calçados, sem aplicação das tecnologias diferenciais Kisafix indicadas neste regulamento. Entenda-se como comparações mensuráveis a indicação de número de etapas, número de operadores, consumo de energia, tempo, área, etc.

5. Erros de processo: Erros de processo e/ou não indicação de parâmetros básicos na ficha técnica do projeto serão penalizados com o decréscimo de 0,5 pontos por erro. Exemplo para não indicação de forma de aplicação e erro de temperatura de secagem.

6. Inovação em design: Será avaliada a proposta visual e construtiva do projeto apresentado, valorizando variações aos modelos apresentados no mercado, mas sem perder a identidade de calçado com aceitação pelo público consumidor padrão.

7. Conjunto do projeto: Será avaliado todo conjunto do projeto apresentado, o cuidado com cada detalhe, desde o preenchimento do formulário de inscrição à apresentação do protótipo. Também será considerada a fidelidade do protótipo apresentado com relação ao projeto original.

Em caso de empate de projetos em qualquer das etapas do concurso, será considerado o item “1. Aplicação de novas tecnologias de colagem” como critério de desempate. Persistindo o empate, a decisão virá pelo critério “2. Sustentabilidade”. Se mesmo assim seguir o empate, vencerá o primeiro projeto inscrito no hotsite do concurso www.kisafix.com/acesso.

3.2 FINALISTA
Os 10 (dez) finalistas serão divulgados no hotsite do concurso e serão contatados pela equipe técnica Kisafix para apoio na construção do pé ou par do protótipo, conforme cronograma apresentado no item 5. O contato será realizado por fone ou ainda por e-mail, levando em conta os dados cadastrados no hotsite do concurso. Receberão um kit contendo os produtos Kisafix indicados em seus respectivos projetos, em quantidade adequada. Para o envio do kit, será considerado o endereço cadastrado no formulário de inscrição.

Caso tenham interesse, os participantes finalistas poderão solicitar amostras de outras tecnologias Kisafix além das indicadas para o ACESSO, devendo entrar em contato com equipe técnica da Killing.

Durante o período de confecção do protótipo do calçado, os finalistas deverão enviar fotos e vídeos do processo de sua criação, tantos quantos forem necessários para a demonstração dos processos envolvidos na criação do protótipo. O envio destes materiais deverá ocorrer através do contato de WhatsApp que será disponibilizado aos finalistas.

4. TECNOLOGIAS DIFERENCIAIS KISAFIX

A criação deve utilizar no mínimo 01 (um) dos 05 (cinco) produtos inovadores da linha Kisafix listados abaixo, com breve descrição técnica. Maiores detalhes da aplicação e desempenho destes produtos podem ser obtidos a partir do Boletim Técnico e dos vídeos explicativos, disponibilizadas no hotsite www.kisafix.com/acesso.

KISAFIX 4085
Adesivo de contato a base de policloropreno base água, exclusivo no mercado. É indicado para preparação de componentes de cabedais de calçado como forros, espumas e contrafortes, além de colagem de artigos de couro e laminado sintético. Pronto para uso, colagem imediata com adesivo ainda úmido, aplicação por pistola. Confere elevada resistência final de colagem, com destaque à maior resistência térmica quando comparado às tecnologias base solvente e hot melt. Possibilita ganho de produtividade, flexibilidade de emprego de materiais e economia no processo e equipamentos. É considerado um produto sustentável pois não contém solventes e não requer secagem ou reativação, reduzindo consumo de energia elétrica por equipamentos de aquecimento.

KISAFIX PU 14001 SM3
Adesivo poliuretano base água monocomponente. É indicado para união de diversos componentes do calçado, com destaque para partes que exijam elevada resistência de colagem, como sola-cabedal. Pode ser aplicado por pincel ou spray, simplificando o processo produtivo, otimizando a mão de obra e proporcionando maior uniformidade de filme aplicado. É considerado um produto sustentável pois não contém solventes e possui maior rendimento em relação aos adesivos base solvente, otimizando o uso de material. Além disso, por ser monocomponente, evita o desperdício de produto ao final do turno de produção como ocorre com produtos bicomponentes, com prazo de vida útil após mistura (pot life).

KISAFIX PRIMER EVA 60 SUV
Primer base solvente promotor de adesão para preparo de solas e entressolas de EVA injetado ou moldado, sem necessidade de aplicação de cura UV. Produto pode ser aplicado por pincel ou por imersão, não causa manchas nos materiais. Proporciona excelente resistência de colagem, à hidrólise ou ao amarelecimento, especialmente quando combinado com adesivo poliuretano base água Kisafix. É considerado um produto sustentável pois elimina a necessidade de aplicação de cura UV no componente EVA, e assim reduz de forma significativa o consumo de energia elétrica e consumo de lâmpadas UV. A não necessidade de cura UV também viabiliza novos designs de peças como áreas com menor espessura ou zonas curvas, pois elimina as variáveis de calor e zonas de sombra tradicionais do processo com UV.

KISAFIX PRIMER HALOGENANTE 12 BA
Primer base água promotor de adesão para preparo de peças de borracha ou TR convencional. Produto bicomponente, formado pela mistura dos componentes sólido e líquido, aplicado por pincel livre de partes metálicas. Proporciona resistência de colagem equivalente aos primers halogenantes base solvente em processos convencionais. É considerado um produto sustentável pois é composto em sua maioria por água, reduzindo significativamente a manipulação e emanação de solventes orgânicos.

KISABOND 1793
Adesivo de colagem instantânea à base de cianoacrilato, monocomponente e pronto para uso, não necessitando a adição de um catalisador ou solvente. Desenvolvido para colagens que necessitem alta velocidade de cura, como a colagem de pequenos enfeites e consertos. Cola diversos materiais, como laminado sintético, couro, madeira, metais e alguns tipos de plásticos. Não é indicado para colagens de polipropileno, polietileno, PET, silicone, teflon e tecidos de alta absorção. Não será aceito como indicação de tecnologia para colagem de todos os componentes do calçado proposto.

5. CRONOGRAMA

5.1 INSCRIÇÕES
Inscrições de 13/07/2021 a 19/11/2021 através do hotsite www.kisafix.com/acesso, preenchendo o formulário de inscrição.

5.2 PRIMEIRA ETAPA
De 13/07/2021 a 19/11/2021, os concorrentes deverão enviar a ficha técnica completa do projeto do calçado através do hotsite www.kisafix.com.br/acesso, conforme modelo disponibilizado, e enviar upload do desenho do protótipo do calçado em arquivo PDF com até 5MB. Serão selecionadas as 10 criações com maior pontuação considerando os critérios de avaliação apresentados no item 3. Os 10 projetos finalistas serão divulgados dia 29/11/2021 no hotsite www.kisafix.com.br/acesso.

5.3 SEGUNDA ETAPA
De 01/02/2022 a 31/05/2022 os finalistas deverão enviar:
- fotos e vídeos do processo de confecção do protótipo para contato que será disponibilizado aos finalistas;
- um pé ou um par do calçado criado (protótipo) para o endereço abaixo.

Killing S.A. Tintas e Adesivos
A/C: ACESSO – 4° Desafio Design Calçadista
Av. 1º de Março, 3430 - Bairro Industrial - Novo Hamburgo – RS /
CEP: 93320-428

É de responsabilidade do candidato que o protótipo seja recebido pela equipe técnica da Killing até às 16h do dia 31/05/2022.

Caso seja necessário alteração de algum dado apresentado na ficha técnica do projeto para fins de construção do protótipo, esta deve ser corrigida e reenviada junto ao protótipo.

5.4 RESULTADO
O resultado do ACESSO – 4º Desafio Kisafix Design Calçadista será divulgado através de comunicado no hotsite www.kisafix.com.br/acesso até o dia 31/09/2022. O vencedor será contatado antes desta data pela equipe técnica Kisafix para providências sobre o prêmio.

6. PREMIAÇÃO

O vencedor do ACESSO – 4º Desafio Kisafix Design Calçadista ganhará um voucher no valor de R$5.000 a ser usado em curso de escolha do ganhador no Istituto Europeo di Design / São Paulo (IED / São Paulo), mais R$ 3.000 como ajuda de custos para arcar com a despesas do ganhador durante o curso. Como prêmio adicional de reconhecimento, o protótipo do calçado vencedor será objeto de capa e matéria da Revista Lançamentos Trends da edição do segundo semestre de 2020, da editora Grupo Sinos.

7. DESCLASSIFICAÇÃO

Serão desclassificados os projetos:
a) que não aplicarem nenhuma das tecnologias Kisafix apresentadas neste regulamento;
b) que não cumprirem os prazos de entrega do projeto (ficha de inscrição e desenho em PDF) e/ou do protótipo conforme as datas e horários estabelecidos neste regulamento;
c) que uma vez ganhador, não tenha disponibilidade para cursar o curso no IED-São Paulo até junho/2023;
d) que participarem da promoção por meio de fraudes ou atos ilícitos comprovados (hackers, crackers etc.) e/ou utilize meios mecânicos, robóticos ou fraudulentos para interferir no concurso;
e) que contenham dados incorretos, inverídicos, incompletos e/ou que sejam recebidos com erros, corrompidos, incompletos, inválidos ou com qualquer defeito;
f) que contenham material criado ou desenvolvido por terceiros e/ou que sejam protegidos por lei infringindo assim direito autoral de terceiros;
g) que sejam realizados através da customização de um calçado já comercializado no mercado calçadista.

8. DISPOSIÇÕES GERAIS

A partir de 15 dias da divulgação dos resultados e em até 60 dias a contar desta mesma data, os participantes poderão solicitar devolução dos protótipos. Estes serão disponibilizados para retirada no endereço indicado no item 5.3. Caso não seja solicitada a devolução dentro do período informado, os protótipos serão destruídos e/ou descartados.

Os participantes têm pleno conhecimento e concordam que os projetos dos 10 (dez) finalistas poderão ficar expostos para divulgação após a realização do concurso nos meios que a Killing julgar adequados.

Os organizadores reservam-se o direito de recusar peça considerada cópia ou que não obedeça a qualquer item deste regulamento. Também se reservam ao direito de utilizar as peças que julgarem convenientes e que tenham sido entregues para o concurso para fins de exposição ou publicidade em geral. Todas as peças, classificadas ou não, ficarão em poder dos organizadores.

As dúvidas e controvérsias oriundas de reclamações dos participantes e finalistas serão dirimidas através do fone 0800 886.3434 de segunda a sexta-feira (exceto feriados) das 08 às 17 horas, ou ainda através do e-mail acessokisafix@killing.com.br.

Os participantes deste concurso reconhecerão como condição essencial de sua participação que o aceite e o envio do projeto do calçado implicarão adesão voluntária e integral às condições definidas nos termos deste documento.